Residência GO

O Hospital Sofia Feldman abriu inscrições para o processo seletivo de Residência Médica com início em 2017; são 5 vagas para Obstetrícia e Ginecologia (com duração de 3 anos). O processo seletivo será conduzido pela AREMG – Associação de Apoio à Residência Médica.

As inscrições devem ser feitas de 7 a 17 de outubro de 2016, de 8h às 18h, pela Internet, no seguinte endereço: www.aremg.org.br, no link “Processo Seletivo”. A taxa de inscrição é de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais).

A prova escrita será realizada dia 13 de novembro. Os Programas de Residência terão início dia 1º de março de 2017.

BOLSA RESIDÊNCIA MÉDICA

Classificação Valor
Residente Médico em Obstetrícia e Ginecologia R1 R$ 5.330,43 (Bolsa de R$ 3.330,43* + complementação de R$ 2.000,00**)
Residente Médico em Obstetrícia e Ginecologia R2*** e R3 R$ 6.330,43 (Bolsa de R$ 3.330,43* + complementação de R$  3.000,00**)
* De acordo com Portaria Interministerial nº 3, de 16 de março de 2016, fornecida com recursos do Ministério da Saúde

** Bolsa complementar é opcional mas depende da  Assinatura do Termo de Dedicação Exclusiva ao Hospital Sofia Feldman  no período de recebimento da complementação da bolsa.

Conheça o Sofia

O Hospital Sofia Feldman, instituição filantrópica, 100% SUS, completará 34 anos, em 24 de outubro. É a maternidade que mais assiste partos, em média 1.000 por mês, no Brasil. A instituição é referência para a Rede Cegonha, estratégia de qualificação da atenção obstétrica e infantil do Ministério da Saúde, e seus profissionais, consultores do Plano de Qualificação das Maternidades do Nordeste e Amazônia Legal. Por meio de parceria com as Agências de Cooperação do Brasil e do Japão, tem realizado cursos de capacitação para profissionais da assistência à saúde da mulher e recém-nascido de países da América Latina, Caribe e África.

Na atenção obstétrica dispõe de 60 leitos. A maternidade/Centro de Parto Normal Helena Greco é um espaço de atenção multiprofissional, assistência humanizada, alojamento conjunto, favorecimento da presença do acompanhante em tempo integral, incentivo ao parto normal, oferecimento de métodos farmacológicos e não-farmacológicos de alívio da dor e planejamento familiar – inclusive cirúrgico.

Oferece ainda outras unidades peri-hospitalares de cuidado preconizados pela Rede Cegonha como o Centro de Parto Normal Dr. David Capistrano da Costa Filho, Casa da Gestante Zilda Arns, com 23 leitos, e a Casa do Bebê, com 13 leitos.

O Hospital Sofia Feldman foi o primeiro em Minas Gerais a receber o título de “Hospital Amigo da Criança”, em 1995. Incentiva o aleitamento materno e desenvolve estratégias de humanização voltadas à integralidade do cuidado.

Veja o Sofia em números, conheça os Indicadores Hospitalares.