Saúde sexual e reprodutiva

São oferecidos às usuárias orientações e métodos de planejamento familiar, tais como anticoncepcionais administrados por via oral e injetável, preservativos masculinos e femininos, DIUs (dispositivos intra-uterinos), laqueaduras (ligaduras de trompas) e vasectomias (ligaduras dos canais deferentes) para os homens.
O serviço é referenciado pela Secretaria Municipal de Saúde, gestora do SUS no Município, de acordo com a Lei do Planejamento Familiar, nº 9.263, de 12 de janeiro de 1996.